O AMOR À CAUSA DO REINO não conhece fronteiras. A missão, a partir de Jesus Cristo, supera todas as barreiras, todas as fronteiras. Acolhe a todos. Não rejeita ninguém.
Como discípulos de Jesus Cristo somos chamados, chamadas, ao mundo inteiro. O Reino de Deus não impõe limites. Somos enviados, enviadas, não apenas aos sãos, mas, principalmente àqueles, àquelas que estão “nas periferias do mundo”, como recomendou o Papa Francisco.
E aquele, aquela que acolhe este envio, Jesus está junto. Ele alerta: “Eis que estarei convosco todos os dias, até o final dos tempos”. (Mt 28, 20). Não tenhamos medo de anunciar e denunciar. Acreditemos que o Espírito Santo conduz os que se fazem discípulos, discípulas. Só precisamos fazer a nossa parte. Precisamos estar cientes de que a missão é dada a toda a Igreja. Jesus não confiou a missão evangelizadora a Pedro, mas aos onze, querendo dizer que todos são “Igreja em saída” e devem edificar a Igreja.
E é o Espírito Santo que anima, dinamiza, revitaliza, fortalece a fé e o amor. Só precisamos nos colocar a serviço do Reino. Todos recebemos no Batismo o chamado, a convocação para a missão. Cada um com o carisma, com o dom que recebeu de Deus.
Sejamos Profetas da libertação!


  • visitas 58